Seguidores

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Raiar o dia

Ao raiar do dia, as coisas tomam um cariz diferente....te dão mais força, mais vontade de ver partir quem um dia parecia ser teu amigo, quando na verdade, é apenas amigo de si mesmo....
Hoje talvez seja o chamado dia D, o dia das grandes resoluções, o dia em que vou descobrir o como é mentiroso alguém que tinha como amigo, como irmão.
Hoje  a vida vai me mostrar, que afinal vale mais estar só, sem ninguém por perto, que ter alguém no mesmo espaço, e estar cada dia mais solitária....
Acaba o tempo de andar sempre preocupada, por poder incomodar, por não deixar descansar quem faz da noite dia, do dia noite...Hoje vais ser o dia da alforria...ainda não percebi se doí ou me faz feliz, se é isso que queria mesmo...
Olhando de um angulo, talvez não queira mesmo, tentando colocar numa balança, equacionar as duas frentes sem duvida prefiro estar só...
Sei que também vou sentir a sua falta, não importa, afinal estou a vontade para andar a vontade dentro da minha própria casa, coisa que agora não acontecia, pois a vida dessa pessoa era dormir até as 14 ou 15 horas, muitas vezes almoçava ia tomar café... vinha se fechava no quarto até ao jantar, e a companhia que tinha era a de ter outra pessoa a mesa, pouco mais que isso.
Para mim estava a ultrapassar tudo o que era normal.
Hoje diz ir ver os amigos,  a família, não acreditei,  não quero ser injusta.... não me convenceu algo me soa a falso... não quero ter alguém em minha casa em quem não posso confiar.LR

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

teu rosto

Recordo o teu rosto..
teus olhos de águia, em rosto sereno.
Sorriso que encanta,,me prende e me joga, tal tombola gigante, dos tempos da feira.
Sinto-me um mendigo...sem eira nem beira...
Preciso de ti..menino encantado..vives no meu peito, bem dentro de mim...quero ...sentir tua pele de pêssego moreno...quero o teu sabor de mel e prazer...só para te dizer....amor... ...... ....LR

Natureza

A mãe Natureza começa a vestir,
seu fato de gala.
Os campos cobertos de verde, salpicados de flores
de todas as cores, mas é o amarelo e o branco
que são os Reis, 
Parecem tapetes feitos por hábeis mãos que 
bordaram para a vida.
a
Ser jovem é lindo, amar melhor ainda

VOAR

É  tão reconfortante ter um amigo, mas...um amigo de verdade.
è difícil para caramba... mas tem de ser ... ninguém consegue ser feliz ... na infelicidade de alguém... tinhas razão meu amigo.
Tenho de passar ao lado...esquecer o que ele diz, nesta bater sem destino aqui dentro do meu peito.
Coração, meu bom amigo ...estou aqui ...aqui contigo...deixa voar o meu sonho.... deixa-me voar contigo
sonho.. que me fez viver... sonho que me fez feliz...sonho que me fez mulher.
O resto , é apenas resto...dum sonho que foi sonhado...mas pouco vivido.
abro as asas da minha imaginação e vou por ai adiante,passando montes e vale. vendo o mar cá bem do alto
a areia  e suas praias, e vou sonhando acordada...sou como a águia  ou condor... neste voar sem projecto apenas porque voar.. faz sentir-me bem libertaLR

O tempo

O tempo esse Senhor que comanda as nossas vidas, cá vai passando, levando uma coisas, trazendo-me outras, mas é a vida...quem sabe avida me guarda coisas boas... lindas para 2011. Se tiver saúde, paz ...
um pouco de amor , em nossos corações , lá vamos levando.
Se tivermos os amigos que de um maneira ou de outra, nos vão acarinhando pegando ao colo, que mais queremos?
Ha amigos e amigos... eu tenho poucos mas optimos.... são a minha força... o meu querer poderia dizer são e fazem parte da minha vida.LR
,

O AMOR

Essa pedra preciosa, por vezes precisa ser lapidada.
E o Amor, mas amor de verdade... não se mistura é como o azeite vem sempre a tona de água....  tipo a alegria, alegria companheira inseparável do amor, mesmo estando , no silencio, caladinha os olhos... mostram
eles falam por nós...
è assim que eu vejo o amor... o maior bem da humanidade... o amor ternura... compreensão... cumplicidade...sem isso não há amor. 
As vezes as pessoas confundem acomodação , com amor, mas isso pode ser tudo , menos amor.
O amor é sublime...enche  a alma de quem o sente, da força, da garra, da querer estar junto... viver cada segundo junto de quem amamos... dar as mãos pelo caminho da vida... sentir o aconchego,de um carinho...de um beijo antes de dormir, mas ... e sobre tudo, olhar para a mesma estrada, sentir os mesmos objectivos, as mesmas necessidades, os mesmos sonhos, e queres...porque quem pela estrada da vida , vai a olhar um para a direita outro para a esquerda, estragam  o que sentem.
O amor é uma flor muito rara hoje em dia, e se não for cuidada, murcha... quando é amor de verdade não morre, mas definha... e mata quem assim vive. LR

cheiro

Seu cheiro, meu cheiro
Nossos cheiros...
Se encontram, se juntam
Se misturam, se reconhecem
As suas, as minhas
As nossas mãos...
Exploram, sondam,investigam
Examinam minunciosamente
Contemplado, reverenciando
Venerando, adorando
O seu, o meu...Os nossos corpos.
Cobertos e sendentos...
Paixão, explosão, fogo
E assim vou vivendo...
... E a minha imaginação me rendendo!LR
Falar das coisas da vida, do que magoa cá dentro, nada vale, não adianta.
Porque por mais que tente e peça, nunca me levam a sério
e sou sempre a má da fita.
Quando se divide alguém, que coração faz bater,
 já custa o quanto que basta
é inútil fazer mais, remexer dentro da ferida.
Sangra mesmo sem tocar, sem sequer se querer lembrar
Porque há-de alguém querer mexer, fazê-la sangrar também??
São coisas que a vida tem, são coisas que a vida tira,
por mim quero deixar estar , tudo no mesmo lugar
mas nunca servir,  para te impedir do que for.
Segue.Vai : Talvez ai encontres a felicidade.

Serio....

Falar das coisas da vida, do que magoa cá dentro, nada vale, não adianta.
Porque por mais que tente e peça, nunca me levam a sério
e sou sempre a má da fita.
Quando se divide alguém, que coração faz bater,
 já custa o quanto que basta
é inútil fazer mais, remexer dentro da ferida.
Sangra mesmo sem tocar, sem sequer se querer lembrar
Porque há-de alguém querer mexer, fazê-la sangrar também??
São coisas que a vida tem, são coisas que a vida tira,
por mim quero deixar estar , tudo no mesmo lugar
mas nunca servir,  para te impedir do que for.
Segue.Vai : Talvez ai encontres a felicidade.LR








hoje podemos estar estar cheios de vitalidade, mas e amanhã? como estaremos

velhinhos doentes, que tiveram a sorte de ter companheiros/as que mal ou bem os acompanharam ao longo de uma vida. Boa? Má? não sei.Mas pelo menos foi suportável pois esta a celebrar 60 anos de casamento. Seria justo um filho separar estes pais apenas porque só quer um? Seria ? penso que não.LR

Mas quantos pais vivem relaciomantos, bem longe se serem satisfatorios mas para exemplo dos filhos, ou por razoes que desconheço se sacrificam a viver ao lado de pessoas, de quem gostam mas não amam.
 E para Quê?Para mais tarde serem tratados como lixo? metidos em lares que mais não são que ante-câmaras da morte?!
Meus amigos este é o mundo podre em que vivemos, esta é a farsa de muitos casais que só o são por morarem na mesma casa, dormirem na mesma cama e serem estranhos, ah! pois é.
 Infelizmente é assim o nosso mundo a nossa realidade, encoberta por uns, desconhecida de outros.
 Mas não deixa de ser a realidade dos tempos que eu vivo, e que tu vives
Pois é. Mais um final de semana , esta aqui á porta.
Mais um final de semana, em que  a minha amiga solidão, me vem fazer companhia.
Sou carta a mais de um baralho, que a vida  se nega a deixar jogar.
À um proverbio que diz que quem nasceu para lagartixa nunca chega a jacaré.
Eu nem lagartixa chego a ser.
Mas vim desejar a todo o mundo um final de semana feliz, que a vida seja um jardim, coberto de lindas flores
com os vossos amores, com os vossos amigos.
Para todos até sempre, bom final de semana.

Vou continuar a colocar fotos da mãe natureza, com seus contrastes que tanto nos encantam..
em cima o campo, as laranjeiras como a convidar um suco.

O Pôr do sol no mar

Um pouco mais tarde, com a linha do horizonte a fazer como um muro de neblina



E Agora já quase noite, que lindo é..







segredo

Quero mas não sei o que quero, ou como chegar ao que quero...
A vida passa-me ao lado, quero apanhar essa vida que tanto quero , mas não sei o que fazer nem como fazer...
tenho um coração traiçoeiro, que não me obedece por nada que lhe diga....menino travesso...
que brinca comigo sem me dar sossego...
Tu , com teu ar de menino grande...sorriso de luz...olhar que inebria.. tu ..sempre tu...
És o meu tudo sendo apenas nada... mas um nada que me enche a alma mesmo sem saberes...
vou continuar a dar-vos aqui o que acho de mais belo na natureza o pôr-do-sol.
Enquanto que ele nasça dentro de mim..LR

Poderia chamar história dele e dela, mas vou deixar ao vosso gosto…
Todas ou quase, as historias começam era uma vez , esta também…
Era uma vez, Ele um homem maduro, com olhar de menino, com uns olhos onde a inteligência e o saber estavam bem lactentes, em cada gesto…cada olhar, mas esse homem com olhar de menino grande, também era solitário e triste, carente de afetos.
Dono de uma vontade firme,
Seus olhos de um castanho amendoado , tudo pareciam querer ver e, gravar dentro dele..bebia  com avidez cada palavra dela..
Vinha de uma infância marcante….  luta do dia a dia não se fez rogada…sem abundacia de menos e fome demais.
Tinha na alma as cicatrizes que só os grandes conseguem disfarçar, dando-lhe um ar de coisa linda. Um sorriso cativante sensual que nos prende nos marca…
Trabalhou…venceu, talvez não depende do que chamar vencer…sim a vida esta cheia de vencer e desaires que não vemos, porque não queremos ver esquecemos o coração para ouvir a razão que nem sempre é boa conselheira quando se trata de felicidade.
Ela, uma mulher que todos imaginavam feliz, sorria para tudo e todos vivia dando amor dando-se aos outros familiares e amigos esquecida que também ela era pessoa.  Também ela ainda iria querer viver mas não se dava conta disso.
Pensavam que era feliz alguns diziam (Quem me dera ser como tu, nada te afeta, nada te perturba…) ela sorria num sorriso enigmático que ninguém percebia,… pensava: que tontos são, ainda bem deixa-os pensar, era fogo de palha pois logo tudo passava e voltava ao normal.
Sempre ela tentava ver o lado positivo das coisas tentavam vencer as lutas diárias da vida lutava e vencia , sempre com a esperança, sempre vendo o lado bom das coisas.
Lá ia semeando amor a sua volta, entre filhos, colegas, família, nas coisas mais pequeninas, ou nas grandes coisas.
Vivia a margem dela, esquecida também tinha direito a ser feliz como mulher.
Não tinha pressa de crescer, a vida fez dela mulher quase sem querer sê-lo, foi esposa e mãe.
A mulher onde ficou...ninguém sabe, nem ela.
Presa na cadeia do amor á vida, filhos e casa. Foi esquecendo que a solidão não é boa companhia para ninguém, solidão mata.
Ela e ele, viveram tão perto, andaram pelos mesmos locais mas não deram um pelo outro possivelmente cruzaram-se nos mesmos locais, mas não se viram, poderiam ter tomado café no mesmo balcão….
O tempo, senhor que tudo sabe, tudo faz, a vida tem sempre surpresas guardadas..nós na nossa pressa de viver  impedimos a vida  de realizar o que é melhor seria para nós.
Os seres humanos são complicados.
Um dia sem saber bem como ou porquê….  combinaram tomar café…
Esse encontro foi mágico.
 Houve um click como se sempre se tivessem conhecido, ela serena chegou junto dele. Deu-lhe um beijo …cumprimentou como se fossem velhos amigos, em verdade já o eram, a novas tecnologias tem esse encanto, o de fazer as pessoas conhecerem primeiro o ser que o físico…embora as vezes nem tudo seja como imaginamos.
Foram tomar um café na beira de uma estrada, foi o café mais saboroso da vida dela, tal o impacto.
Ele colocou-lhe o braço sobre os ombros numa atitude protetora, carinhosa, ela desabituada de tal gestos de ternura, sentiu-se segura protegida. Aquela sensação de segurança, toda a envolvência do momento fez-lhe bem….
Foram ver o mar. O mar tem sempre a magia de acalmar, aquela imensidão de azul e céu deixa-a sempre encantada.
  Andar sobre a areia, apanhar pedrinhas…andar mão na mão qual adolescentes enamorados…riram das coisas mais simples, são essas coisas simples que a vida nos dá que nos faz feliz…eles estavam felizes…
Ele num casamento (mas ele dizia estar separado,) que parece só existe no papel, era tão carente quanto ela.
Nasceu um relacionamento, um dia ele contou a verdade, ai o mundo dela caiu… era mau demais para ser verdade, mas, tarde demais…
Ela que nem se lembrava que existia como mulher… já tinha acordado os sonhos adormecidos, ela que sorria por tudo e nada,  ficou triste… enciumada  escondia a tristeza de tudo, todos chorava sozinha…tornou-se insuportável, ficou…  sombra do que era
Ela queria aquele homem, afinal foi ele que a despertou que a fez sentir mulher, a mulher que havia nela.
Foi difícil tomar a decisão.
Mas tinha de ser tomada….
Ele não é feliz, ela tão pouco , vegetam como tantos casais que não tem coragem de ser eles mesmos. Não há cumplicidade, carinho,  em suma amor…mas estão juntos não por eles mas para mostrar ao mundo que são um casal.  Vive-se muito de aparência…
Muitos desprezam o mundo dos afetos ….  que viver assim, não é viver é passar pela vida, somar dias atras de dias, sem se completarem sem terem aquilo porque viemos ao mundo, amare e ser amados.
A vida dá-nos um manancial de oportunidades, que vão surgindo a cada par e passo, há que estar atentos saber olhar e ver, sem medos, somos aquilo que somos quem nos ama, ama-nos como somos com o bom e o menos bom, não podemos fingir ser o que não somos.
Amar não è só dizer… é muito mais que isso, é provar todos os dias… nas pequenas coisas , num beijo inesperado, num abraço sem contar, num instante que ligamos só para ouvir a voz amada, e dizer amo-te.
O amor é uma flor linda, bela perfumada, que exige cuidados, no jardim de quem se ama, ela necessita ser regada, a sensibilidade que nos dá o amor…adubada de carinho, podada de ternura , regada de cumplicidade com a sabedoria que nos dá… o próprio amor
O dormir de conchinha o desejo de sentir o corpo do outro pele com pele, sentir o calor ameno que o outro nos dá…o sabor da boca nos beijos mais loucos…onde sentimos tudo que só quem ama pode sentir…é maravilhoso o seu beijo a húmido um só tempo arrebatador e terno…como? Quando? Ela não sabe, ele tão pouco…
Tudo queria, ela já voltou algumas vezes aquela praia…mas…nunca mais teve o mesmo encanto

Chuva

Chove, as terras estão alagadas, cobertas de tapetes verdes bordados por singelas flores tenho a serra lá ao fundo coberta de neblina um passarinho veio abrigar-se no telheiro do canário alimentar-se das sobras que caiem proteger-se do frio, do vento olho-o... de certa forma sou como ele vivo aqui protegida mas sinto um frio imenso na alma... terça-feira tão longe e tão perto te vai levar para tão longe sinto o rosto molhado.... e agora? vou estar aqui quem sabe um dia confio em ti...em Deus O teu silêncio... é o que mais custa a suportar dou-te silêncio também é aqui neste cantinho onde deixo os meus momentos falo sozinha contigo mesmo sabendo que não me escutas mesmo ausente sempre estaremos perto coração e cabeça bem por dentro do pensamento te espero sempre...LR

onde estavas no 25 de abril de 1974?!

Onde estava...como era a minha vida? ...
Abril é um mês lindo...nem muito calor nem frio. 
Estava na minha amada Angola
A vida caminhava num passo tranquilo, tudo era belo, em casa meu marido nossos filhos ,  Uma casa como tantas outras ... A vida na fazenda era tranquila, muito trabalho mas sem stress, começava bem cedo o nosso dia... às 5h30 dia já se fazia notar lá em casa. 
Era a alvorada.  a preparação do café da manhã, ou mata bicho como era conhecido. Leite, pão, manteiga e doce... De seguida iam distribuir trabalho entre o pessoal. 
O filho a rega o pai analisar a pecuária, se havia crias, novas, preparar o banho, as vacinas,  enfim muita coisa há a fazer,.. trabalho duma fazenda onde a pecuária também era expressiva eram 300 cabeças de gado bovino

 As 10 horas vinham tomar o pequeno almoço. Quase sempre de garfo e faca A semana estava a decorrer normalissíma. 
Depois de um dia de trabalho havia o habito de ir ouvir as noticias do "puto"..( termo utilizado para falar de Metrople).algo havia de novo que nos deixava entre feliz e amedrontada, algo havia no ar...Revolta dos cravos assim diziam, tudo era novo mas sem saber compreender o que ao certo nos alertava .

Numa absoluta ignorância  de tudo ouvia  ávidos , os relatos que faziam, já temendo que tudo não passa-se de algo falso e enganador....mais tarde compreendi o que me alertava, mas da pior forma
 um ano depois, percebi o que me tinha alertado... sem saber porquê, as casas dos Europeus foram todas saqueadas, a minha também não tinha feito nada errado , mas nossas vidas estavam desfeitas ,todo o trabalho de uma vida ficou reduzido a nada.
 Já passaram muitos anos mas ainda sinto uma angustia estranha a relembrar o que vivi... sempre trabalhei, e ver-me sem nada com uma casa de família foi duro de ultrapassar.
O tal 25 de Abril, que apesar dos meus medos, tanta expectativa tinha trazido, esta a mostrar ,  que tudo não passou de um embuste, acredito que para alguns ( poucos) tivesse sido realmente feito de boa fé, mas....levou a ruína tanto aqui como lá.
A minha amada Angola  esta em franca recuperação, sempre acreditei naquela terra linda, onde foi tão feliz.
Aqui o 25 de Abril não passou de uma miragem pois  , tudo vai de mal a pior.LR

Cabeça vazia

Cabeça vazia, coração apertado, um dia de chuva sem parar  , como se tivesse algo errado, ou estragado que impeça a chuva de dar um pouco de treguas...
 as horas vão passando uma após outra sem mais nada que este teclado....
Sinto a tua falta , sejas quem fores, mas queria ter agora alguém para ouvir uma voz, receber um alô... não quero mendigar ternura de ninguém...ninguém mesmo...eu só eu, nesta ilha que existe dentro de mim.
Se falasse alguém compreenderia o que é estar ou sentir-se assim vazia , só triste?
Todo o mundo tem amigos ...eu não...
minha vida é vazia sem atrativos sem amor sem ternura, sou a folha que caiu e ninguém nota , que existe que apenas quer um abraço, sem  outra coisa senão o abraço...
Será pedir muito a vida? se calhar é...
Sempre tentei acarinhar os outros,,,dar-me um pouco sem mais que dar por dar...
Parece que não entendem , não sabem não dão por isso..
Devo ter espalhado muita coisa errada pelo que vejo agora, foi sem o querer se isso aconteceu, pois era o oposto que queria.LR

Magoa

Aqui no silencio, onde só eu e o teclado falamos...ou eu falo para lhe contar as coisas que me entristecem como sempre...
Com este amigo posso falar deitar para fora tudo que minha alma sente e cala...
Aqui sou eu ele o teclado..
Quero deixar de ser assim , só que é muito dificil, boas intenções eu tenho...depois vem tudo a minha cabeça, adeus intenções...
Analisando as coisas; poucas são as pessoas que tem o poder de me magoar, me fazer sofrer...antes eu faria uma sena, diria tudo que esta preso na garganta...agora calo-me...para quê falar?
As vezes nem é o que se diz,  é sim como é dito...
Quem sabe um, dia vão perceber o quando me doí, agora fico calada, muda...sem dizer palavra, antes faria uma fita, diria tudo o que me vai na alma, hoje calo-me...
Dou o que não sei sentir , nem tenho, indiferença aos molhos para distribuir...
Sempre foi tudo ou nada... gosto ou não gosto, e até gostava como amigo é certo mas gostava, sinto que estou a virar gelo....
Numa atitude ternurenta de amigos, dei-lhe o braço, encostei a cabeça no seu braço e perguntei..-
ou melhor ia perguntar...
não o cheguei a fazer pois, uma voz fria, como bofetadas disse:- vai te encostar ao que comeste ontem...
Calei-me...voltei costas.
Não mais estive em ameno convivio, chego venho para o quarto, aqui me fecho...
Me perco ou me encontro, mas sozinha...calada...estupidamente só...
Não quero estar triste, não quero...mas não sei ver essa agressividade sem me magoar....LR

Amigos

Mais um dia...um dia em que a vida se vai vivendo,feita de sonhos e pesadelos, esperanças e medos....
mas  vamos seguir adiante, não  vale a pena parar....vamos andando um dia de cada vez....
na esperança que tudo dê certo, em nossas vidas....
Hoje o Sr Tempo parece que deu uma folguinha, esta um pouco de frio, não chove o mar esta mais calmo a vida vai voltando de mansinho, as zonas fustigadas, e foram tantas na orla costeira...
Aqui tudo corre normalmente, hora após hora, este silencio , parece que vivo numa  aldeia fantasma, as ruas estão desertas, no ar vem aquele aroma bom da lenha que arde na  lareira...misturado com o cheiro a terra molhada, adoro este cheiro....cheira a minha aldeia...
A luz do dia faz um convite ao recolhimento.... ao ficar a sentir tudo isto...
Paro para pensar um pouco, mas são tantos os pensamentos que me invadem que fico parada, olho o teclado, e fico assim....não sei quanto tempo fiquei assim...
Tenho tanto a agradecer , a vida, tanto que nem sei por onde começar...minha família...meus amigos que afinal também são a minha família que escolhi, acho que não mereço tanto carinho e provas de grande amizade.
Hoje sabendo que  não iria sair daqui, uma amiga veio, trazer um xarope caseiro feito por ela , e um pouco de sopa bem quentinha ( sabem adoro sopa),são gestos que não tem preço e me deixam super feliz e sem saber o que dizer ou fazer...Obrigado, mil vezes obrigado pelo carinho.
Que eu saiba sempre ter a humildade de reconhecer o vosso amor a carinho, e aprenda a retribuir sempre....tão bom ter amigos. LR

sonhos de alguém




Falar de ti, embora pareça, não é tarefa fácil....talvez por seres para mim a irmã que não tive.
Uma menina grande ,cheia de sonhos que sabe concretizar, uma mãe que creio todos os filhos querem ter.
 Tu és uma mulher muito versátil, cheia de ideias e iniciativas.
 Tenho a graça de te ter como amiga de todas as horas...debaixo da tua carapaça escondes um ser gentil .
.Apesar de tudo isto continuas a ser umaFalar de ti, embora pareça não é tarefa fácil. Tu és uma mulher muito versátil, cheia de ideias e iniciativas. Tenho a graça de te ter como amiga de todas as horas...debaixo da tua carapaça escondes um ser gentil ,um coração do tamanho do mundo .Apesar de tudo isto continuas a ser uma menina cheia de sonhos, que todos eles se realizem, pois bem o mereces és uma lutadora e sobre tudo uma vencedora. Abraço grande, obrigado pela tua amizade menina cheia de sonhos, que todos eles se realizem, pois bem o mereces és uma lutadora e sobre tudo uma vencedora.
Escondes um coração, do tamanho do mundo, sempre pronto a ajudar todos os teus amigos, eu tenho a sorte de ser tua amiga, sei do que falo.
Aos poucos, agora vais mostrar ao mundo, quem és e como és....uma mulher doce, gentil cheia de ideias e obras lindas.
Amas tudo que fazes, que escreves, ou pintas....para ti todo o sucesso do mundo.LR

eu....

Meu pensamento, meu guia....
ele me leva onde posso ser feliz
onde as coisas são o que desejo que seja
eu não sou o que vejo, sou o que penso
, se penso sinto...sou.
Ser é a chave...
Eu quero ser a pessoa mais ....
importante ( da minha vida )
serei pela certa, vou tornar meus pensamentos
sempre naquilo que me move
naquilo que quero....
O que eu quero? simples.....
Ser e fazer todos felizes a minha volta
sem no entanto tomar as rédias da vida de ninguém
estar presente....sendo eu apenas....LR

Cada dia




Cada dia é uma vitória, que tenho para celebrar .
Acordei , estou viva, para poder contemplar
tudo que me rodeia...
olho tudo com carinho, cada dia há algo novo
coisas simples, muito belas...
é uma flor que ainda nem tinha olhado...
 a cor da fruta madura....
o cheirinho que nos trás, o pomar ali da frente...
ou a dança, que eles fazem os peixinhos
ali da sala, no aquário a viver...
quando lhes dou de comer, já parecem
conhecer a caixinha em nossas mãos
sentir o cheiro que vem ,
ali do pão a cozer... tudo coisas...
tão singelas ....mas a melhor delas todas
é ver meus filhos , noras , netos...
eles são a minha vida...
aqueles pequeninos seres são alegria
vida , tudo, me dão força
para vencer,
tu entendes estou certa, também amas
como eu os netos que Deus te deu. LR

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Ava


Queria saber eu falar, no teclar dos meus dedos,
o que vai dentro de mim...
perguntas sem respostas. ando a tentar encontrar
no meu ser, no meu sentir...
Gosto de olhar o mundo, sentir as coisas fluírem...
gosto de te ter por perto, mesmo sabendo
que não és gente, gosto do ar altivo, quando me olhas nos olhos
gosto de te ver sorrir, deitando a língua de fora...
tua cauda que abanica dizendo que vai em ti...
vens dormir, quieta serena, sempre para cuidar de mim
se estou menos bem tu sentes, de mansinho  te aproximas...
teus olhos cravas nos meus, com tal doçura e carinho,
vens querer festas ...dar-me mimo...
não há amizade como esta, tens 4 patas eu sei...
e um coração tão grande, abranges todos
que gostas, teus donos , são teus amigos
minha cadela mais linda...LR

terça-feira, 19 de agosto de 2014

Eu...


A vida que sei viver, esta longe deste meu querer
quero , ver todos felizes, a saborear o sol...
a caminhar na chuva....sempre em todos os lugares
vou andando por aqui, olha para tudo que vejo
muitas vezes sem saber, avaliar o que sinto
só sei , que meu coração, vai batendo com mais força
quase me salta do peito.....
é tão belo tudo o que este cantinho me dá...
Sol , mar, campos floridos...
como posso , passar e ficar só no meu mundo
quando somos afinal, todos fruto da arvore
que nos gerou...
Vem daí dá-me um abraço...a vida já nos juntou
perto ou longe , pouco importa, somos....
estamos todos neste canto ...
planeta azul chamado, seja azul , rosa ou a cor
de que mais gostas..
cuida dele, olha com olhos de ver...
guarda dentro de ti no mapa da tua vida
tudo que Deus te mandou....LR

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

SE....



Se a vida fosse uma bola, feita das cores que mais gosto,
ela seria por certo, a bola dos sonhos meus...
Sonho contigo todo vestido de branco
olhando para ti assim, fazias lembrar um santo...
passaram dias , meses, anos....
o branco que foi outrora resta apenas
a lembrança, recheada de mil esperanças....
vou deixar falar meus dedos, no bater do teclado
coloco o coração ao lado
vou deixar , que a vida faça, as façanhas
que mais gosta....
Estou aqui....aqui estarei...
sem saber o que pensar
só tu ficas na lembrança, todo vestido de branco...
sorriso, franco e gaiato..
olhos de mel perfumados, quem os vias
não esquecia o olhar que tanto amei...
Agora ...tenho a recordação
dos tempos que já lá vão...LR

Lagoa

Lagoa dos meus encantos, 
feiticeira enebriante
quero estar perto de ti, 
hoje e sempre a cada instante
prendes-te o meu coração
feita menina travessa....
brincas com mantos de espuma
lembrando as noivas no altar.
teu manto rendilhado...
onde dançam as gaivotas
quando buscam alimento.
teu namorado é o mar
que te beija , acaricia,
fazendo soltar suspiros...
aos que de longe te olham
numa contemplação serena..
Lagoa bela princesa
menina sempre encantada
eu te amo, só desejo
poder voltar aos teus braços.
ai meu corpo banhar na caricia
dos teus beijos....LR

domingo, 17 de agosto de 2014

Mãe

Mãe,
palavra doce que nos conforta, terna alegria
sabe sorrir como ninguém, amparo e luz
que nos conduz, na estrada certa...
Nela encontramos, sempre apoio...esquece
o cansaço, dá o abraço que nos transporta 
ao lado bom que a vida tem.
Mãe....é a força que nos anima, se a tristeza
se aproxima.....
Mãe, è um tesouro
muitas vezes não lhe mostramos
o quanto a amamos....esta ali, firme
serena, como a dizer...
Amanhã é outro dia, dá-me um abraço
tudo passou, sorri comigo...
eu estou contigo...
Mãe!... é tudo de bom que a vida tem...LR

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Agosto



Dizem que Agosto, é o mês do verão, não duvido, apenas acrescento e das constipações...livra que coisa chata..
Mês que devia ser de calor , sol, praia,  esta a ser de vento, nublado, algum calor é certo, também de gripes, que o diga a minha que não me quer largar, acompanhada de uma tosse maluca...
vai embora depressa Agosto, estas a ser muito malzinho rsrsrs
è o que temos.
Mas apesar de tudo ainda temos paz, que coisa boa...nada paga a paz de espírito, o poder sorrir olhar olhos nos olhos de todo o mundo, ter consciência que fizemos algumas asneiras, que sempre tentamos remediar,
que apesar dos pesares...ainda guardo dentro de mim, as/os amigas/os que o são ou foram com verdade , perfeito não é ninguém...
Ter a ousadia de seguir em frente, olhar nos olhos e dizer, errei desculpa , não é para todos não, eu sei....é para mim, sim é para mim, quando reconheço que errei, que pode ter magoado alguém sem ter intenção,  não sou de dar a face em vão, não vou atrás de quem se afasta sem razão...
Não tenho nunca a vontade de ter portagnismo, aceito e dou o carinho que recebo , gosto de passar sem dar pela minha presença.
Sem medos de confrontos, aceito a  amizade sem medo , que outra pessoa, venha e me leve , se for nunca tinha sido minha com verdade, posso ser amiga de muita gente ao mesmo tempo sem detrimento de outras pois amigo, não tem ciume tem carinho, cumplicidade, tem ternura...
Eu quero ter e ser amiga, não quero nada que me prenda, que não me deixe ser eu, também não quero que deixes de ser como és por minha causa...por isso estou aqui a tua espera...LR